domingo, 15 de dezembro de 2019
47 99609-9282
Cidades

07/08/2019 ás 08h21

AdminX

Itapema / SC

Ex-prefeito de Camboriú vai a juri popular acusado de ser mandante de assassinato
Ex-prefeito de Camboriú vai a juri popular acusado de ser mandante de assassinato

Edson Olegário, ex-prefeito de Camboriú, enfrentará um júri popular no dia 31 de outubro. O político deve responder como mandate de execução do deficiente Eneri Antônio Souza. O crime aconteceu em 2008 e os quatro assassinos já foram condenados.


A data foi divulgada no dia 2 de agosto pelo juiz Renato Mastella, da Vara do Tribunal do Júri da Capital. O julgamento começa às 9h e será no fórum de Florianópolis, a pedido do Ministério Público.


O ex-prefeito será julgado por homicídio qualificado e pode pegar de 12 a 30 anos de prisão. O político chegou a ficar preso em 2010, mas conseguiu recurso para responder pelo crime em liberdade.


Relembre o caso


Eneri estava sentado na frente de casa, no bairro Cedro, quando tomou os quatro tiros. Segundo a acusação, o alvo era Ângelo de Souza, irmão de Eneri e inimigo político de Edinho na época. De acordo com a promotoria, Edinho teria mandado executar o desafeto político.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados