Quarta, 23 de outubro de 2019
47 99609-9282
Geral

12/09/2019 ás 15h34 - atualizada em 12/09/2019 ás 15h55

AdminX

Itapema / SC

Bombeiros controlam incêndio no Parque Estadual da Serra do Tabuleiro
O incêndio florestal começou por volta das 10h de terça-feira na maior Unidade de Conservação Estadual de proteção integral de Santa Catarina.
Bombeiros controlam incêndio no Parque Estadual da Serra do Tabuleiro

O incêndio no Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, na Grande Florianópolis, está sob controle graças à mobilização do Estado e trabalho integrado de profissionais do Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar, Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA) e bombeiros comunitários. Em sobrevoos realizados por drones e pela aeronave Arcanjo, do Corpo de Bombeiros, durante a madrugada e manhã desta quinta-feira, 12, não foram localizados novos focos de incêndio.


Nestes voos, foram identificados apenas pequenos focos remanescentes em áreas já queimadas e sem possibilidade de se alastrar. As equipes de plantão, comandadas pelo 10º Batalhão de Bombeiros Militar, com sede em São José, trabalharam durante toda a noite, em rondas a cada 30 minutos, vistoriando as estradas Velha, Morretes e Espanhola.


O incêndio florestal começou por volta das 10h de terça-feira na maior Unidade de Conservação Estadual de proteção integral de Santa Catarina. O balanço da operação será repassado em uma coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira, que será realizada pelo Centro de Informações Públicas (CIP) do Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres (CIGERD), e terá a presença do governador Carlos Moisés. Na manhã desta quinta-feira o CIGERD encontra-se no status operacional “Nível 2”, ou seja, seguindo protocolos de integração das agências envolvidas.


Nos dados levantados até a tarde de quarta-feira, 277 mil litros de água haviam sido usados pelo Corpo de Bombeiros Militar e cerca de 500 hectares da unidade de conservação tinha sido atingidos pelo incêndio. Porém, o levantamento mais exato da área queimada deve ser feito nesta quinta-feira, diante do controle das chamas.


Cerca de 30 bombeiros militares e comunitários seguem fazendo rondas na região e as forças-tarefa (FT 04) de Criciúma e de Balneário Camboriú (FT 13) continuam de prontidão. A Polícia Civil irá instaurar um inquérito para investigar causas do incêndio florestal e eventuais responsabilidades.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados