Terça, 28 de janeiro de 2020
47 99609-9282
Segurança

16/01/2020 ás 14h47

AdminX

Itapema / SC

Deputado federal é acusado pela companheira de violência doméstica
Caso segue em sigilo e inquérito deve ser concluído em até 30 dias
Deputado federal é acusado pela companheira de violência doméstica
Foto: Grazi Vieira/Divulgação

O deputado federal Daniel Freitas (PSL-SC) foi acusado pela companheira de violência doméstica no último final de semana. O caso foi registrado na Polícia Civil, em Balneário Rincão, no Sul do Estado. Segundo informado pelo ND, o parlamentar negou a existência do boletim de ocorrências, mas o delegado responsável pelo caso, Vitor Bianco Júnio confirmou a existência do registro. No dia em que foi registrado, uma delegada plantonista que está trabalhando na operação veraneio assinou o documento.


Como a ação foi encerrada na última terça-feira (14), a delegada retornou para a comarca de origem e o próprio delegado regional é quem ficará responsável pelas diligências. O nome da funcionária que lavrou a ocorrência não foi divulgado.  O inquérito tem 30 dias para ser concluído pelas autoridades policiais. Os detalhes do caso seguem em sigilo.


“Não sei como os fatos aconteceram, preciso ouvir as partes, meu objetivo é buscar a verdade dos fatos. Não quero condenar um inocente ou absolver um culpado. Vou me manifestar futuramente, depois de analisar as informações contidas no inquérito”, disse o delegado ao ND.


Por meio da assessoria de imprensa, o deputado negou que tenha agredido a companheira. O parlamentar relatou que a “informação é infundada” e que “não tem nenhum nexo”. Daniel Freitas afirmou que não iria se manifestar, porém enviou uma nota à imprensa.


Freitas está em Brasília desde domingo. Nesta semana, ele se encontrou com o Presidente da Agência Espacial Brasileira, Carlos Moura, para falar sobre a Frente Parlamentar Mista para o Programa Espacial Brasileiro. O deputado será presidente da Comissão que trata o assunto. Com a segunda maior votação em Santa Catarina nas últimas eleições, Freitas também atuou como vereador em Criciúma, cidade onde nasce.


 


Confira a nota do deputado:


O Deputado Federal Daniel Freitas vem, por meio desta nota oficial, manifestar-se sobre as informações inverídicas que estão circulando sobre uma “suposta agressão” praticada por ele contra sua esposa.


O deputado federal Daniel Freitas afirma que em momento nenhum agrediu fisicamente sua esposa. O fato deu-se por motivações políticas entre ele e seu sogro, relacionadas à divergências partidárias, e que durante uma discussão os dois (Deputado e seu sogro) entraram em vias de fato, resultando na intervenção de sua esposa no ocorrido, na tentativa de acalmar as partes.


O parlamentar enfatiza, ainda que, a situação foi ocasionada pelo calor do momento, eles mantêm uma ótima relação, ressaltando que seu sogro é um homem honrado e de bem; inclusive já conversaram e, através de um pedido sincero de desculpas ao seu sogro e sua esposa, voltaram a se entender.


Segundo o Deputado, com sua educação baseada nos princípios cristãos, jamais submeteria sua esposa e seus filhos a qualquer tipo de humilhação física ou psicológica e que, como marido e pai, sempre pautou a criação dos seus filhos no amor e nos valores; mantendo o casal, em um clima harmônico e de ainda mais união.


Comunicamos que, até o momento, o deputado não foi notificado ou intimado, estando à disposição da justiça para prestar quaisquer esclarecimentos. O Deputado pede ainda, que sua família, bem como a de sua esposa, sejam respeitadas, pois desentendimentos acontecem em todos os lares; porém, a admiração mútua, sempre será mantida.


 


Com informações do ND

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados