Segunda, 18 de novembro de 2019
47 99609-9282
Cidades

22/02/2019 ás 08h30

AdminX

Itapema / SC

Projeto Praia Limpa encerrou atividades desta temporada com ótimos resultados
Dentre as principais ocorrências apontadas pelos monitores durante a execução do projeto, estão: 58 crianças perdidas, 28 ocorrências de animais na praia além de lixo encontrado na praia, porém, em contrapartida, muitos elogios pelo trabalho ambiental realizado
Projeto Praia Limpa encerrou atividades desta temporada com ótimos resultados

Chegou ao fim, no último domingo (17), o projeto Praia Limpa, uma iniciativa da Secretaria do Meio Ambiente de Balneário Camboriú que visa a sensibilização ambiental de turistas e moradores através da distribuição de materiais na orla da Praia Central. Itens como sacolas de lixo de papel biodegradáveis para descarte dos resíduos sólidos, pulseirinhas de identificação para as crianças, além de cartilhas informativas foram entregues ao longo dos 47 dias de duração do projeto.


Funcionando na cidade desde 2002, neste ano o projeto apresentou, mais uma vez, ótimos resultados. Com o trabalho de 25 estagiários distribuídos em cinco diferentes pontos ao longo da orla da Praia Central, do dia 02 de janeiro ao dia 17 de fevereiro de 2019, foram entregues um total de 22.190 sacolas de papel, 19.733 pulseiras de identificação infantil e 5.951 cartilhas informativas.


Dentre as principais ocorrências apontadas pelos monitores durante a execução do projeto, estão: 58 crianças perdidas, 28 ocorrências de animais na praia além de lixo encontrado na praia, porém, em contrapartida, muitos elogios pelo trabalho ambiental realizado.


“Tudo que a gente realizou foi previamente decidido, esse ano o Praia Limpa foi um desafio para a Secretaria do Meio Ambiente, que conseguimos cumprir com êxito. Esse projeto continuará sendo importante enquanto as pessoas não se conscientizarem e se sensibilizarem de que o lixo que elas geram na orla da praia pode ir para o mar, ou até mesmo permanecer ali, e assim prejudicar e poluir a praia, os oceanos e ainda causar a morte de animais. Acredito que enquanto houver lixo no chão o Meio Ambiente precisa de projetos que visem a Educação Ambiental”, afirma a coordenadora de Projetos Especiais da Secretaria do Meio Ambiente, Eduarda Montibeller Schuch.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados