Quinta, 21 de novembro de 2019
47 99609-9282
Cidades

28/06/2019 ás 15h38

AdminX

Itapema / SC

Projeto de Lei quer declarar pesca artesanal da tainha patrimônio cultural de Balneário Camboriú
Projeto de Lei quer declarar pesca artesanal da tainha patrimônio cultural de Balneário Camboriú

O vereador David La Barrica apresentou, na noite da última quinta-feira, dia 27, o Projeto de Lei Ordinária nº 107/2019, a pescadores e proprietários de ranchos de pesca, na Colônia dos Pescadores, no Bairro da Barra. O PL visa declarar a pesca artesanal de tainha como Patrimônio Cultural e Imaterial de Balneário Camboriú.


“Apresentamos o projeto, tiramos todas as dúvidas e tivemos uma resposta muito positiva dos pescadores e proprietários dos ranchos. A pesca artesanal é uma questão de cultura, faz parte da história da nossa cidade e estamos propondo uma lei para que seja preservada para sempre”, afirmou David La Barrica.


Cerca de 30 pessoas participaram da reunião, que também teve a presença da Diretora de Artes da Fundação Cultural de Balneário Camboriú, Lilian Martins. O PL de nº 107/2019 constitui como principal característica da pesca artesanal para captura de tainha (mugili liza), suas canoas, redes, ranchos de apoio e a função dos pescadores. O projeto está em tramitação no departamento jurídico da Câmara de Vereadores.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados