Operação contra organização criminosa faz 17 prisões em Santa Catarina e no Paraná

Publicado em 12/09/2019

Operação contra organização criminosa faz 17 prisões em Santa Catarina e no Paraná

Foto: Divulgação

Outlet Porto Belo

A Operação Remanescentes prendeu até o final da manhã desta quinta-feira (12/09) 17 pessoas na ação que mira uma organização criminosa de São Paulo que tenta se instalar em Santa Catarina. Dos alvos, 13 já estavam reclusos no sistema prisional de Santa Catarina e Paraná. Nas ruas, houve prisões em Florianópolis (02), Navegantes (01) e Praia Grande (01).

Desencadeada cedo da manhã pela Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (DRACO) da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), a Operação Remanescentes prendeu lideranças dentro e fora das cadeias. Em Navegantes, os policiais prenderam um homem que é suspeito de receber e enviar veículos roubados para o Paraguai e trocar por drogas. Em unidade prisional paranaense de Foz do Iguaçu (PR), foi preso um homem que ordenava delitos da cadeia para comparsas das ruas no Estado.

“Desde 2017 a equipe da DRACO/DEIC identificou e indiciou mais de 300 indivíduos dessa organização criminosa. Hoje são mais 39 investigados, sendo que 24 serão indiciados e 15 deles serão objeto de compartilhamento de provas para outros inquéritos”, ressaltou o delegado da DRACO/DEIC responsável pela investigação, Antônio Seixas Joca. Em Florianópolis, as ações foram no Norte da Ilha, na comunidade Papaquara, de um homem foi preso em flagrante com arma e munições. Ele usava tornozeleira eletrônica por responder em liberdade por tráfico de drogas.

Ao todo, são 44 ordens judiciais, sendo 17 mandados de prisão preventiva, sete mandados de prisão temporária e 20 mandados de busca e apreensão cumpridos em nove cidades: Florianópolis, Joinville, Camboriú, Navegantes, Lages, Criciúma, Tubarão, Praia Grande e Foz do Iguaçu/PR.

“Pressão com investigação permanente”, destaca diretor da DEIC

“O objetivo da Polícia Civil de Santa Catarina, através de suas unidades especializadas, no que tange ao crime organizado, é manter a pressão sobre essas organizações criminosas com investigação permanente em operações constantes. Tivemos apoio e participação de delegacias especializadas de Joinville, Balneário Camboriú, Itajaí, Navegantes, Criciúma, Araranguá, Tubarão, Lages, além da Polícia Civil do Paraná que cumpriu mandado de prisão em Foz do Iguaçu”, afirmou o diretor da DEIC, delegado Luis Felipe Fuentes. A Operação envolveu 120 policiais.

COMENTE ABAIXO ⬇

Incêndio em carreta fecha BR-101 em Itapema

Um incêndio em uma carreta fechou a BR-101 na altura do morro das Calotas, em Itapema. O trânsito foi fechado nos dois sentidos. Ainda não há informações sobre o que causou o fogo ou se há feridos. O incidente ocorreu por volta das 12h30...

Baleia-franca é avistada em praia de Governador Celso Ramos

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental (PMA) registrou imagens de uma baleia em alto-mar na altura da Praia de Palmas, em Governador Celso Ramos, no Norte de Santa Catarina. O flagra aconteceu no domingo (08). Segundo a PMA, o animal foi...

Corpo de recém-nascido é encontrado congelado em Camboriú

Nesta quinta-feira (12) a noite, a Polícia Militar de Camboriú registrou uma ocorrência inesperada e chocante. Um bebê recém-nascido foi encontrado congelado em um depósito de materiais recicláveis no bairro Lídia Duarte, em Camboriú. No...

Morre sexta vítima de acidente no interior de SC

A Polícia Rodoviária Militar confirmou a sexta morte do acidente entre uma carreta e um carro da Secretaria de Saude de Santa Cecília. A vítima era uma mulher que havia sido transferida para o hospital. A colisão ocorreu na tarde desta...

Carro é furtado em creche com criança de 9 anos dentro

Na manhã desta terça-feira (10) a Polícia Civil registrou uma tentativa de furto na cidade de Concórdia, no Oeste do Estado. Segundo informações, o criminoso entrou dentro do veículo, onde estava uma criança de 9 anos dentro. Esse caso...